Músicas Grey’s Anatomy Temporada 16 Ep 4 “It’s Raining Men”

Músicas Grey’s Anatomy Temporada 16 Ep 4. Músicas do 4º episódio da décima sexta temporada de Grey’s Anatomy, It’s Raining Men, com as cenas em que elas tocam.

Depois da Meredith sem querer fazer propaganda negativa para o Grey Sloan, ela tenta consertar as coisas com seus antigos colegas, atrapalhando suas horas no serviço comunitário. Ben e Vic, da Station 19, levam uma paciente mulher para o hospital, e Jackson briga com Koracick quando ele passa dos limites com a família de um paciente. Enquanto isso, Bailey recebe notícias inesperadas e Owen se encontra em Pac-Gen North, o que Alex aproveita para recrutá-lo.

Músicas Grey’s Anatomy Temporada 16 Ep 4

Trilha instrumental por Danny Lux (compositor da série)

Todas músicas instrumentais tocadas no episódio que não foram especificadas no post.

It’s Raining Men por The Weather Girls

Título do episódio.

New New por Club Yoko

Início do episódio, voz da Meredith falando (frase no final); Meredith e Andrew na cama, Amelia e Maggie batem na porta e contam sobre a reportagem que foi publicada escrita por ela, Meredith fala que não escreveu nada e olha a reportagem com várias mentiras que ela não escreveu.

Músicas Grey’s Anatomy Temporada 16 Ep 4
Músicas Grey’s Anatomy Temporada 16 Ep 4

I’ll Stand by You por Natalie Taylor

Montagem do Avery e Schmidt fazendo a cirurgia da Clervie, Schmidt fala que Avery devia ter deixado Koracick filmar para ajudar o hospital, eles discutem.

Long Long Time por William Redwood

Final do episódio, Jackson chama Vic para jantar com ele; voz da Mer falando; Amelia deita de costas em cima do Link, ele fala que ama ela; Meredith e Andrew discutem por ela querer defender as pessoas; Maggie conta para Bailey que ela está em perimenopausa e também está grávida.

“Se você está no centro cirúrgico e sente como se céu estivesse caindo, é porque às vezes, infelizmente, ele está. Uma vez eu estava fazendo uma apendicectomia, um procedimento perfeito, quando do nada, meu paciente desenvolveu embolia pulmonar. O dióxido de carbono que estava enchendo seu abdomen entrou em sua circulação. Sua pressão arterial despencou quando a bolha de ar foi para seu coração, causando caos total. Comecei a massagem cardíaca, tentando manter o sangue fluindo para o cérebro dele. Colocamos um cateter o mais rápido possível mas antes que percebessemos, seus pulmões estavam enchendo de líquido. Um procedimento de rotina era agora um caso de falência múltipla dos órgãos. E não havia nada que eu pudesse fazer para impedir. Depois de várias transfusões e diálises de emergência e o cateter mais rápido que já coloquei até hoje, meu paciente se recuperou. Mas isto ensinou uma importante lição: não existe nada de cirurgia de rotina. Toda vez que piso na sala de cirurgia, estou preparada para o pior. Não é uma garantia contra resultados ruins mas significa que, quando bolas curvas chegam, quando o céu começa a cair, com sorte, é menos provável que você fique sem saber como reagir. (Meredith Grey)”

Aproveite para conferir nossa página com todas as músicas de Grey’s Anatomy separadas por temporadas e episódios.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.