Músicas Grey’s Anatomy Temporada 18 Ep 20 “You Are the Blood”

Músicas Grey’s Anatomy Temporada 18 Ep 20. Músicas do 20º episódio da décima oitava temporada de Grey’s Anatomy, You Are the Blood (Season Finale), com as cenas em que elas tocam.

Continua a falta de sangue no Grey Sloan Memorial. Enquanto isso, Meredith toma uma decisão arriscada em relação a um paciente, e as ações de Owen para ajudar um colega veterano são reveladas.

Músicas Grey’s Anatomy Temporada 18 Ep 20

Trilha instrumental por Danny Lux (compositor da série)

Todas músicas instrumentais tocadas no episódio que não foram especificadas no post.

You Are the Blood por Castanets

Nome do episódio.

How To Save A Life por Talk

Início do episódio, Jackson falando sobre sua mãe como se estivesse no funeral, Catherine e April assistem; voz da Meredith falando (frase no final); Ben e os outros bombeiros recolhendo o sangue do acidente; Meredith e Nick ainda na cirurgia, Helm aparece sem o sangue e explica o acidente; cenas de flashback.

The Story por Davis Naish

Meredith tenta salvar Cora, mas não consegue, e fala a hora da morte; Jo e Maggie fazendo a cirurgia da Kristen, Winston espera para levar o bebê para o pai poder ver antes de falecer; Linc esperando com Simon, Winston aparece com o bebê e eles se despede.

Músicas Grey’s Anatomy Temporada 18 Ep 20
Músicas de Grey’s Anatomy a Anatomia de Grey

Song Beneath the Song por Ben Abraham

Amelia aparece no bar do Joe com as crianças, eles não contam o que está acontecendo, mas falam que vão entrar em contato com ela; Meredith conversa com tia da Cora; Miranda vê as pessoas doando sangue, Schmitt conversa com ela; Maggie e Winston levam o bebê para Kristen.

Where Does the Good Go por Luca Fogale

Meredith olha os residentes indo embora; flashback com cenas dela e dos outros residentes; Owen e Teddy no avião; Richard e Catherine indo embora do hospital; Winston e Maggie conversam no carro; Linc vai pegar o filho no berçário.

Chasing Cars por Tommee Profitt & Fleurie

Final do episódio, Jackson e April se beijam no elevador; Amelia indo embora, Kay aparece e fala com ela; Meredith sentada na sala da chefia, relembrando o passado, Nick aparece, eles brigam e ele vai embora; imagens do passado.

Monólogo da Meredith

Antes do surgimento da cirurgia, muitas doenças eram tratadas com flebotomia, também conhecida como sangria. A sangria é a retirada do sangue de um paciente para prevenir ou curar doenças e efermidades. Era uma das práticas médicas mais comuns realizadas por cirurgiões da Grécia antiga até o final do século XIX. A prática foi largamente abandonada porque agora sabemos que na esmagadora maioria dos casos, o uso da sangria é prejudicial ao paciente. E ainda assim, fizemos dela uma prática médica padrão por mais de 2 mil anos. Não foi um lapso na história da medicina. Foi uma era. Durante décadas, muitos médicos estavam convencidos que a sangria estava prejudicando mais do que ajudava. Mas muitos também estavam convencidos de que era a única cura. Médicos, como a maioria dos seres humanos, são avessos ao risco. Nós preferimos a segurança do que sabemos em vez da emoção de novas inovações. Cirurgiões e médicos, como regra geral, gostam de saber com certeza que estamos certos antes de dar um passo. E assim, para nós, a mudança requer provas incontroversas, o que nem sempre é fácil de conseguir. Tem sido teorizado que a cirurgia em sia é apenas uma era que passará. Mas ainda tem um longo caminho pela frente. E, enquanto isso, há eras dentro de eras. Descobrimos novas ciências, esclarecemos, provamos novas teorias. E então batemos nossas cabeças contra a parede, tentando nos convencer a mudar de fato nossas práticas, de acordo com o que sabemos. Porque o fim de uma era, é mais fácil dizer do que fazer. (Meredith Grey)”

Aproveite para conferir nossa página com todas as músicas de Grey’s Anatomy separadas por temporadas e episódios.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.